(11) 3201-2000

Notícias › 22/06/2018

Transformador torna-se mais digital e ganha robô de inspeção

Duas tecnologias da ABB transformam um equipamento importante das redes de energia

O transformador de potência é aquele tipo de componente lembrado apenas quando ocorre um problema. Do contrário, eles passam despercebidos. Não pelos técnicos do setor, que apostam na digitalização do equipamento e em novas formas de inspeção. É o caso da ABB, que anuncia o primeiro transformador digitalmente integrado do mundo. Com isso, esse componente poderá ser monitorado remotamente, com a análise de dados de seus principais parâmetros em tempo real.

A coleta de informações do status dos transformadores de potência é uma evolução da smart grid para além da ponta da infraestrutura, ou seja, dos medidores inteligentes instalados nos consumidores corporativos e residenciais. Segundo a ABB, “o transformador incorporará um controlador digital que permitirá o aproveitamento de uma série de dispositivos inteligentes em uma plataforma modular com recursos plug-and-play”. Explicando: o equipamento fica preparado para o controle remoto quando a concessionária de energia resolver ativá-lo.

Robô submersível explora parte interna dos transformadores 

As empresas do setor poderão aplicar, por exemplo, serviços de software no nível de subestação e não somente na ponta. Outro ganho seria a maior vida útil, pois “a nova capacidade digital aumentará a confiabilidade e mitigará interrupções por meio de ação preventiva”, diz a multinacional europeia.

Além da digitalização, os equipamentos terão um novo recurso de inspeção. Todos eles têm um sistema isolante, que é um óleo que preenche sua cavidade. Para fazer inspeções rápidas a empresa desenvolveu um robô sem fio e submersível, que pode ser mergulhado na parte interna do transformador. Os dados da inspeção, por sua vez, são compartilhados remotamente e em tempo real com especialistas.

A nova abordagem reduz ainda o risco para os colaboradores e o tempo de indisponibilidade do transformador. Nesse último caso, as inspeções são feitas em questão de horas, em vez de dias, e diminui em 50% ou mais os custos de inspeção. Veja abaixo um vídeo sobre o novo robô:

 

Fonte: Infraroi

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.